[PAPO SÉRIO] E se Jesus se deparasse com a travesti Dandara?

Nesta semana um vídeo que retrata a bestialidade da alma humana invadiu o Facebook, nos fazendo refletir até que ponto o homem é capaz de ser cruel e intolerante. A travesti Dandara dos Santos (42), foi brutalmente espancada e assassinada no dia 15 de fevereiro, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. (mais detalhes AQUI).

Diversos amigos fizeram posts lamentando o caso. Nunca vi Dandara, não era minha amiga ou conhecida, mas era um humano, assim como eu, você ou qualquer outra pessoa que você conheça. E a gente não precisa ser amigo ou parente para ter compaixão por alguém. Eu sinceramente havia pensado em não publicar nada sobre isso, mas percebi que se a gente se cala diante deste tipo de situação acaba formalizando a “normalidade” desse tipo de acontecimento, e isso não é pra ser assim.

O avanço na onda de homofobia em nosso país é cada dia mais alarmante. Ainda em Fevereiro outra travesti foi espancada e jogada de cima de um viaduto por vários homens. Sim, você não leu errado, ela foi jogada de cima de um viaduto, ainda está internada em um hospital aqui de Fortaleza.

Você escolhe o time que quer torcer, qual cor de roupa mais gosta de usar, se prefere ouvir música ao invés de ver TV… As pessoas são assim, possuem gostos e preferências distintas, o que tem muita gente sem entender é que orientação sexual não é uma “preferência”, ninguém é lesbica, gay, travesti ou transexual por livre escolha. Eu também consigo digerir que há quem não entenda ou aceite a orientação sexual alheia, afinal é uma questão que envolve múltiplos fatores, o que eu realmente não posso aceitar é que sua falta de entendimento se estenda aos direitos de pessoas LGBT, incluindo o direito a vida.

Ver ou saber de notícias como estas acima me dá um misto de tristeza e impotência inimaginável. Lamento que uma parcela da sociedade tenham seus preconceitos pessoais agravados por falta de acesso a cultura, a leitura e a falta de formação acadêmica. Mas eu lamento ainda mais que as pessoas se deixem levar pelo discurso de ódio de políticos fascistas e líderes religiosos fundamentalistas. É nas mãos destes nobres senhores que é derramado dia após dia o sangue de quem é vítima desse tipo de pensamento odioso.

E se a pauta é religião, eu gostaria que você deixasse de lado os versículos que você decorou e me respondesse apenas uma única questão: o divino mestre da Galileia em seu tempo, se fez presente entre pecadores, leprosos, pobres e demais classes segregadas pela “família tradicional” daquela época. Nos dias atuais, ele apedrejaria ou se transformaria em amigo de uma travesti?

17155435_1251577651592364_5807040192161695617_n

Um comentário em “[PAPO SÉRIO] E se Jesus se deparasse com a travesti Dandara?

  1. Ive says:

    Não! O meu Jesus disse para os acusadores de Maria Madalena, a prostituta q segundo a lei de Moisés, deveria ser apedrejada até a morte. Ele perguntou aquelas pessoas prontas a apedrejar aquela mulher. Quem de vcs nunca pecou, atire a primeira pedra. Todos qd ouviram o mestre perguntar-lhes isso, retiraram-se um a um. Então mestre disse aquela mulher. Ninguém te condenou mulher! Nem eu tbm te condeno! Vai e não peques mais.
    Ou seja! Jesus sempre foi e será todo amor! Ele jamais veio pra condenar, mas sim pra salvar!
    Deus está muito triste, com o fato de toda a humanidade, está pregando o seu filho Jesus outra vez na cruz tds os dias!
    Tirar a vida de uma pessoa, q poderia ter a chance de se achegar aos pés da cruz e ser aceita do jeito que estava, pq Jesus ama incondicionalmente a todos! É realmente não pensar q irá prestar contas diante desse mesmo Deus que hj é amor, mas que um dia próximo, irá derramar a sua ira, sobre todos estes filhos da desobediência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *